8 HÁBITOS ERRADOS DEBAIXO DO CHUVEIRO

fazer-uma-ducha

Mesmo que entrar no chuveiro seja uma ação que realizamos todos os dias ou quase, é quase certo que cometemos erros. Às vezes, de fato, temos comportamentos que se tornam hábitos que - no entanto - deveriam ser evitados. Por exemplo, um gesto simples e aparentemente inofensivo como deixar a esponja no chuveiro é uma das coisas mais erradas que se possa fazer: se a esponja não for completamente seca, de fato, poderia se transformar em um ambiente perfeito para a proliferação de bactérias e para a dispersão de substâncias prejudiciais de outros tipos. Isso acontece porque, quando a esponja é utilizada, em seus furos e dentro dela, ficam presas as células mortas da pele: essas células representam um terreno fértil para os microorganismos patogênicos. O que deve-se fazer então? A sugestão é aquela de lavar a esponja cuidadosamente após o uso, e depois secá-la e pendurá-la em um lugar seco.

A respeito de secar, esta é uma ação à qual prestamos pouca atenção, mas que deveria ser feita com cuidado. Um erro comum é aquele de não secar a pele absorvendo a água, mas esfregando ou limpando, passando a toalha vigorosamente: é errado, porque desta forma a pele delicada se desidrata. Também se você decidir se secar ao ar livre, especialmente quando está ensolarado, comete um erro, porque há o risco de pele rachada. Ainda, outro erro é aquele de lavar o cabelo todos os dias: um xampu realizado diariamente poderia ser prejudicial, especialmente para quem tém o cabelo delicado e fino. Portanto, duas vezes por semana (ou até menos se você tiver cabelos crespos) são mais do que suficientes para alcançar um equilíbrio adequado e para não comprometer a produção de sebo natural. Veja, então, quais são os piores hábitos debaixo do chuveiro.

nao-esfregar-bem-os-pes-deixar-a-esponja

1. Não esfregar seus pés

Um dos hábitos mais errados que pode-se fazer enquanto estiver sob o chuveiro é o de não esfregar os pés: este gesto, de fato, tem o objetivo de eliminar as bactérias mais problemáticas e os fungos. Em particular, de acordo com as dicas do Institute for Preventative Foot Health , é essencial lavar os pés todos os dias com o maior cuidado e secá-los com a mesma atenção, especialmente entre os dedos, se possível usando um sabão neutro.

2. A esponja no chuveiro

Outro hábito a ser evitado é deixar a esponja no chuveiro: torna-se o ninho preferido das bactérias. CONTINUA DA PÁGINA 2>

Página 1 de 3
Responsive Menu Clicked Image