A BASE NA LARANJA

laranjas-e-base

O que acontece se você colocar a base sobre a casca de uma laranja? Não é apenas uma maneira de “maquiar uma fruta”, mas também permite que você entenda que os efeitos da maquiagem mudam de acordo com a composição e dependem também do instrumento que é usado para maquiar. Por exemplo, se a base for simplesmente passada com os dedos, o efeito é o de uma parede pintada: a casca da laranja, e de consequência o rosto da pessoa, sendo completamente coberta pelo produto, com o risco de dar vida ao clássico efeito máscara de cera.

Se a base, no entanto, for salpicada com uma esponja, o efeito é ligeiramente melhor, mas existe um risco de que sobre a casca, e, de consequência, sobre o rosto, restem “buracos” ou áreas não cobertas. Se a base, enfim, for aplicada com um pincel, o efeito é perfeito, uniforme e igual em todas as áreas da casca, e por isso do rosto. Basicamente, você obtém um efeito mais uniforme e, portanto, mais agradável, e é precisamente por esta razão que para passar a base o meio ideal é justamente um pincel. O VÍDEO NA ÚLTIMA PÁGINA e outras dicas práticas >>>

Página 1 de 3
Responsive Menu Clicked Image