AS MOSCAS NO PRATO

moscas

As moscas sobre os pratos e sobre os alimentos, tão frequentes no verão e em geral quando se come ao ar livre, são perigosas para os seres humanos? Embora a presença desses insetos seja muitas vezes subestimada ou ignorada, não devemos esquecer que as moscas domésticas, em teoria, são capazes de facilitar a transmissão de mais de cem doenças. Nada de pânico, contudo, mas atenção: a possibilidade de que uma mosca seja um perigo para os seres humanos do ponto de vista da higiêne depende – como você pode imaginar – somente de onde o inseto pousou antes de entrar em contato com os alimentos . Sem entrar em detalhes, é claro que uma mosca que pousa nas fezes de um animal e, em seguida, toca um sanduíche pode ser portadora de algum risco para a saúde.

E, claro, quanto mais tempo as moscas gastam sobre alimentos, é mais provável que os agentes patogénicos possam crescer e proliferar (os agentes patógenos, de fato, têm origem no vômito da mosca). Devemos lembrar que as moscas do campo são – por assim dizer – menos higiênicas do que as moscas da cidade: a razão é fácil de adivinhar, no sentido de que as primeiras entram em contato com excrementos de animais com mais frequência, tanto domésticos como selvagens, e em geral, com cadaveres de animais. Na cidade, por outro lado, a utilização frequente de insecticidas garante elevados padrões de higiêne, e o risco de contato com substâncias perigosas por que contaminadas é minimizado.

Página 1 de 3
Responsive Menu Clicked Image